segunda-feira, 29 de julho de 2013

''DENTRO DO TEMPO''

 E haverá sempre
um compromisso com a vida
com as flores, com a nostalgia dos dias.
Vestimos coragem
sem uma vigília deslumbrada
como a enfrentar os flancos de uma montanha.
. . . sem sangue ou lágrima
na condição de nunca persistir
em pesado silêncio
. . . como que aspirássemos a grama verde
das primaveras precoces.
Não haverá tempo sem tempo
e as cicatrizes invisíveis
falarão de casas mal-assombradas
perdidas na imaginação.
E haverá sempre um compromisso com a vida.

Alvina Nunes Tzovenos